Os Nossos Serviços

Qualidade / Rapidez

Recolha de O.A.U

O descarte incorreto do óleo de cozinha e gordura de fritura, desencadeiam uma série de prejuízos ao meio ambiente, principalmente na água que é nosso bem mais valioso, ele vai para o esgoto e contamina os mananciais, além de entupir as caixas de residências e estabelecimentos comerciais, causando prejuízos o meio ambiente.

Limpeza de filtros Hotte

Além do risco de incêndio, a gordura é a fonte de outros riscos potencialmente perigosos, actuando como agente de contaminação através do qual proliferam pragas, fungos e bactérias que podem ser prejudiciais para a saúde.

Limpeza de caixas de gordura

  • Limpeza de Separadores de Gorduras
  • Limpeza de Separadores de Hidrocarbonetos
  • Separador de Bancada
  • Caixa Retentora de Gordura
  • Caixa Coletora de Gorduras

Escolas

A EGi – Gestão de resíduos aposta fortemente na sensibilização para a recolha seletiva de OAU em Estabelecimentos de Ensino, de forma a consciencializar a comunidade escolar para os efeitos nocivos do incorreto encaminhamento deste resíduo e as vantagens do seu correto encaminhamento. Pretendemos incutir na camada jovem, boas práticas ambientais na área da Gestão de Resíduos e Energias Renováveis.

oleões Municipais

A EGi – Gestão de resíduos disponibiliza aos cidadãos ecopontos laranja (oleões) para a colocação do OAU proveniente das suas habitações. Deverá colocar o OAU, depois de arrefecer, numa embalagem de plástico, bem fechada. Dentro da embalagem pode colocar o óleo resultante de frituras, azeite e o óleo de latas de conserva. Posteriormente deverá colocar a embalagem dentro do oleão.

Consultoria Ambiente

Emitimos relatórios de gestão ambiental, com volumes registados junto da Agência Portuguesa do Ambiente.

Qualidade / Rapidez

SOMOS ESPECIALISTAS EM ÓLEO ALIMENTAR USADO

Porque juntos somos mais fortes, construímos parcerias de forma a reforçar a consciência de todos para a importância da reciclagem dos OAU

FAQ

O Decreto-Lei n.º 267/2009, de 29 de setembro, estabelece o regime jurídico da gestão de OAU, produzidos pelos setores industrial, da hotelaria e restauração (HoReCa) e doméstico.

De acordo com o disposto no Artigo 6º, do Decreto-Lei n.º 267/2009, é proibido:

a) A introdução de OAU ou de substâncias recuperadas de OAU na cadeia alimentar;


b) A descarga de OAU nos sistemas de drenagem, individuais ou coletivos, de águas residuais;


c) A deposição em aterro de OAU, nos termos do regime jurídico da deposição de resíduos em aterro;


d) A mistura de OAU com substâncias ou resíduos perigosos;


e) A realização de operações de gestão de OAU por entidades não licenciadas nos termos do Decreto-Lei n.º 178/2006, de 5 de setembro;


f) A utilização, como combustível em veículos, de OAU que não cumpram os requisitos técnicos aplicáveis aos biocombustíveis previstos no Decreto-Lei n.º 62/2006, de 21 de março.

Se produzir qualquer quantidade de OAU, por mais pequena que seja, tenho de ter um serviço de recolha de OAU e toda a documentação legal.

Deverá contactar-nos pelo telefone 256 882 057, para o email geral@egi-energia.com e solicitar informações.

 
Um estabelecimento comercial que produza OAU deverá ter afixado um certificado de OAU, cujo modelo consta do Anexo ao Decreto-Lei n.º 267/2009. Este pode ser emitido por operador de gestão de resíduos licenciado ou pelo município respetivo, consoante a opção de encaminhamento dos OAU pelo produtor do setor HoReCa ou do setor industrial. Para além do certificado OAU, deve assegurar que cada transporte seja acompanhado da respetiva guia de acompanhamento de resíduos (e-GAR). O transporte de OAU, pelo Município ou entidade gestora, proveniente de um ponto de recolha da rede de recolha seletiva municipal encontra-se isento de e-GAR
Pode encaminhar para valorização o óleo proveniente da fritura de alimentos, azeite ou o óleo da lata de atum. Se o óleo estiver quente, deve primeiro deixá-lo arrefecer. Depois deverá colocá-lo num recipiente de plástico e fechá-lo bem. Quando tiver acumulado uma quantidade significativa de OAU, no recipiente, deverá colocá-lo, fechado, dentro do ecoponto laranja (oleão). Não deverão ser depositadas garrafas de vidro e o óleo mineral (do motor).

Poderá consultar a listagem de ecopontos laranja da EGi Aqui

– Valorização em biocombustível substituto do gasóleo;

VAMOS CONVERSAR?

Cuidar, guardar, preservar o meio ambiente é responsabilidade de todos nós.

  • Morada: Rua Pavilhões, Zona Indusrial do Amieiro 50, 4520-718
  • Horário: Segunda – Sexta 9:00AM – 5:00PM
  • Telefone: 123-456-7890
  • Email: geral@egi-energia.com